Líderes de turismo em África identificam investimentos como chave para uma recuperação sustentável

Sal, Cabo Verde – Os membros africanos da Organização Mundial do Turismo (OMT) reuniram-se em Cabo Verde para reforçar a cooperação e avançar planos de recuperação e crescimento sustentável.

A 64ª reunião da Comissão Regional da OMT para África (CAF) contou com 23 países representados na ilha do Sal, 21 Ministros do Turismo e cinco Embaixadores para o evento de alto nível. Abrindo a reunião da Comissão, o Presidente de Cabo Verde Jorge Carlos Fonseca deu as boas-vindas à liderança da OMT e a todos os delegados. O Presidente juntou-se ao Ministro do Turismo e Transportes de Cabo Verde, Carlos Jorge Duarte Santos, e ao Primeiro-Ministro Dr. Ulisses Correia e Silva na reafirmação do apoio ao mais alto nível político ao turismo e reconhecimento do setor como motor de recuperação e desenvolvimento sustentável.

Presididos por Christine Kaseba Sata, Embaixadora da Zâmbia na Espanha e Representante Permanente na OMT, os delegados abordaram os maiores desafios que impedem o reinício seguro do setor em todo o continente. Foi dada ênfase especial à importância de acelerar o lançamento de vacinas em todo o continente, bem como abordar questões de segurança que continuam a ter um impacto sobre como os viajantes globais percebem a África como um destino turístico seguro. Também esteve em pauta o nível atual de conectividade entre destinos, com a melhoria das ligações aéreas e a harmonização dos protocolos de viagens identificados como um meio eficaz para impulsionar o turismo regional.

O reinício do turismo é ‘essencial’

O Secretário-Geral Zurab Pololikashvili deu as boas-vindas aos delegados à reunião da Comissão, apresentando uma visão geral do trabalho da OMC durante a crise em curso e como este é impulsionado pelas prioridades declaradas dos seus Estados Membros africanos. Ele disse:

O continente está unido em sua determinação de usar o poder do turismo para impulsionar o desenvolvimento e as oportunidades para todos. E com coordenação e investimentos direcionados, o turismo africano pode finalmente cumprir seu potencial único.

Reconstruir a confiança nas viagens

Em Cabo Verde, os Membros da OMT foram informados sobre o desenvolvimento do Código Internacional para a Proteção de Turistas, um código de referência que visa ajudar a restaurar a confiança nas viagens. Os membros também receberam uma visão geral do Programa Geral de Trabalho e Orçamento da OMC para o período 2022-2023. Além disso, sinalizando uma determinação compartilhada de seguir em frente, mesmo em tempos difíceis, os membros também realizaram eleições para posições-chave nos órgãos de tomada de decisão da OMC antes da 24ª Assembleia Geral.

Construindo capacidade

Paralelamente à reunião da Comissão, a OMT acolheu workshops de capacitação em inovação, marketing digital e investimento. Estes workshops foram realizados antes da segunda edição do Fórum Global de Investimento em Turismo da OMT, aberto pelo Primeiro-Ministro Dr. Ulisses Correia e Silva e destacando a participação de investidores da Espanha, Alemanha, Suíça e EUA, bem como líderes do setor público e privado de toda a África. Apoiando o workshop sobre marketing, a OMT também lançou sua nova publicação Brand Africa. Produzido com os principais parceiros de turismo africanos, a publicação visa ajudar os destinos a usar uma marca eficaz para diversificar e atrair visitantes.

Ainda em Cabo Verde, o líder do turismo celebrou a assinatura e aprovação da Declaração da OMC sobre o Futuro da Mobilidade e dos Transportes Sustentáveis, um compromisso que visa a melhor compreensão de como os investimentos podem contribuir para tornar o setor mais verde, ao mesmo tempo que incentiva uma maior cooperação entre as autoridades do turismo e fornecedores de transporte. Concluindo a reunião da Comissão Regional, a OMT assinou um Memorando de Entendimento (MoU) com o Governo de Cabo Verde. O objetivo do MoU é melhorar a cooperação entre a OMT e o Ministério do Turismo para fortalecer a marca do país, impulsionar as iniciativas de educação turística e apoiar a pesquisa sobre o impacto socioeconómico do desenvolvimento sustentável do turismo em Cabo Verde.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s